Busca:
   Acontece
   Artigos
   Condomínios
   Entrevistas
   Fazendo Arte
   Galeria
   Gente
   Opinião
   Promoções
   Sobradinho
   Sobradinho II
   Úteis
   Vale a pena acessar
   Esporte
   Sobradinho 48
   Planaltina
   Paranoá
   cobertura
Busca

O que você espera de 2017?

 
ver todos os resultados
 
Busca
Receba em seu e-mail as atualizações de nosso blog
Nome
E-mail
cadastrar desativar
 
  Regras do Blog | Perfil do tpadua 17 de janeiro de 2018  


12/11/2017
Geraldo, um brasileiro do andar de baixo... Elio Gasapri

Geraldo Casalli tem 53 anos, é motorista da Viação Suzantur, de São Carlos (SP), onde ganha R$ 1.900 mensais, com carteira assinada. Às 12h30 do domingo passado, ele chegou ao ponto final de seu percurso com 15 jovens aflitos que iam para a prova do Enem. Uma garota contou-lhe que estavam a quarteirões de distância e corriam o risco de perder a hora. Pediu-lhe que espichasse sua rota, levando-os até o local da prova. Ele pensou nas duas filhas, Ana Claudia e Dayane, e atendeu-a.

No dia seguinte, a história de Geraldo estava na rede. Ele foi elogiado pela Suzantur e a empresa anunciou que hoje mudará o percurso de quatro de sua linhas, levando estudantes aos portões da prova.

Geraldo Casalli é um grande brasileiro. Não só pelo que ele fez no domingo passado, mas também pela sua história. Sempre trabalhou como caminhoneiro, mas nunca teve caminhão. Trabalha há nove meses na Suzantur, depois de ter ficado um ano desempregado, vivendo de bicos. Sua mulher é zeladora num colégio, com pouco mais de R$ 1.000 de salário. Vivem numa casa modesta, porém própria. O casal educou Ana Claudia e Dayane em escolas públicas e elas nunca repetiram ano. Ambas formaram-se em pedagogia. Uma, com 23 anos, tem mestrado e trabalha com crianças que têm necessidades especiais. Está noiva e deve se casar em 2019. A outra deve começar no primeiro emprego nas próximas semanas.

Dirigindo caminhão, Geraldo nunca foi assaltado, "graças a Deus". No seu ônibus, já assaltaram o trocador.

Geraldo é um homem comum, com uma família comum e bem-sucedida. A quem lhe pergunta se em 53 anos de vida aconteceu-lhe alguma coisa que considere memorável, responde o seguinte: "Nada, só esse caso de domingo passado, mas eu não estava pensando nisso".




« voltar  |  Enviar este conteúdo  |  Imprimir este conteúdo  |  Comentar esse conteúdo  |  



SEM COMENTÁRIOS



14/01/2018 - O que preocupa Bolsonaro - Bernardo Mello Franco -  "Como eu estava solteiro naquela época, esse dinheiro de...
14/01/2018 - Vamos sambar... - Jorge Serrão - Antes do Gre-nal eleitoreiro deste ano de (muita) graça...
13/01/2018 - Câncer social, facebook... - Roberto Dias - O Facebook foi muitas vezes rotulado de "buraco negro...
13/01/2018 - Um herói cínico e hipócrita - Mario Sergio Conti - O herói de "Pessach: A Travessia", o romance de...
11/01/2018 - Nomeação mostra o Brasil de Cristiane - André Singer -      O governo Michel Temer passa por má fase, com...
29/12/2017 - Três aspectos do silêncio e outros toques - Carlos SA - “Fazer um minuto de paz, um silencio que ninguém...
29/12/2017 - Grisalha - Fernanda Torres - As velhinhas das vans, grupos organizados de senhorinhas que...
29/12/2017 - Benemerência com causa - Bernardo Mello Franco -  A ministra Cármen Lúcia tirou o presente de Natal...
28/12/2017 - PC Farias, Carlos Marun e o cinismo de cada um - Clovis Rossi - Fiquei fã de Carlos Marun, o secretário de Governo....
28/12/2017 - O líder Aécio - Jânio de Freitas - As informações que situam o senador Aécio Neves como recordista de...
Destaques
Registros Históricos - Carlos I.S. Azambuja
São registros históricos que comprovam a veracidade do que dizemos quase que diariamente. Quem diz o contrário é ignorante, por não ter nascido naquela época e não haver estudado a História verdadeira (com agá maiúsculo), ou por ser mal intencionado mesmo, como...



Pólo de Cinema. O sonho não acabou, ainda - Pedro Lacerda*
Não é a primeira vez que alguém tenta acabar com o sonho do Pólo de Cinema e Vídeo Grande Otelo, localizado em nossa Sobradinho. Desta vez, nos parece que é o próprio governo que está pretendendo dar um fim...



Marcada para segunda-feira,4, Audiência Pública para tratar do Ribeirão Sobradinho
Está marcado para acontecer dia 4 de novembro, uma segunda-feira, Audiência Pública proposta pela Câmara Legislativa do Distrito Federal exclusiva para tratar do Ribeirão Sobradinho. O evento será às 15 horas na Casa do Ribeirão Q. 9 Área Especial, frente para...



Busca