Busca:
   Acontece
   Artigos
   Condomínios
   Entrevistas
   Fazendo Arte
   Galeria
   Gente
   Opinião
   Promoções
   Sobradinho
   Sobradinho II
   Úteis
   Vale a pena acessar
   Esporte
   Sobradinho 48
   Planaltina
   Paranoá
   cobertura
Busca

O que você espera de 2017?

 
ver todos os resultados
 
Busca
Receba em seu e-mail as atualizações de nosso blog
Nome
E-mail
cadastrar desativar
 
  Regras do Blog | Perfil do tpadua 18 de novembro de 2017  


01/11/2017
As palavras e os cavalos - Jacob Fortes

Jacob Fortes de Carvalho, de Sobradinho

Os escritores mais cautos não transigem com a  pertinência das palavras; escolhê-las corresponde à roupa apropriada para cada ocasião. O critério vem de longe, remonta a Voltaire: “Uma palavra posta fora do lugar estraga o pensamento mais bonito”.

No ofício de vaqueirar o meu pai dispunha de uma  cavalhada suficiente para os variados serviços do seu mister. Apedeuto, evidentemente desconhecia o vocábulo pertinência, mas sabia o significado de apropriado; cada cavalo apropriava-se a um papel. Assim, por exemplo, para transportar crianças e moçoilas à escola recorriam-se aos cavalos de doma (geralmente os avelhentados); para puxar a carroça seria um animal robusto, traquejado; para o trabalho de campo (monitoramento do gado vacum) a escolha recaia sobre um animal de resistência duradoura, além de rédea submissa para que pudesse, sem a interveniência da brida, ziguezaguear pelos ermos; para as missões de “pega” seriam os mais árdegos, cavalos de chegada, privativos dos peões seniores,  e assim por diante.

Pois bem, as palavras são como os cavalos: não basta requisitá-los do fechado da capoeira; é preciso que se lhes defina o perfil, puxar pelo cabresto somente o que for mais consentâneo. Por mais paridade que exista num rol de  vocábulos há sempre um que se impõe, pela pertinência, pela expressividade, pela sonoridade; são as sutilezas da sinonímia, que não se pode desprezar, embora a realidade consabida é a de que os tempostecnológicos são assinalados por desapreço à língua nacional. Comum é ver-se “cavalos” apenas símiles, isto é, sem a devida pertinência,  operando no seio de textos denominados  eruditos, circunstância que, por vezes, compromete a efetividade da frase, até descompõe sua fisionomia.




« voltar  |  Enviar este conteúdo  |  Imprimir este conteúdo  |  Comentar esse conteúdo  |  



SEM COMENTÁRIOS



17/11/2017 - As boas do Cicim - ·ELEIÇÃO DE 2018Alô gente, o assunto mais intricado mais...
17/11/2017 - A interdição dos conjuntos B e C da Q. 12 e otras cositas mas... -            Cabuloso, meu caro.A interdição...
16/11/2017 - Interdição dos conjuntos B e C da Quadra 12 - Com relação ao texto de ontem relatando que: "Obra...
15/11/2017 - Obra na Quadra 12 interdita entrada de moradores dos conjuntos B e C -      Alguém já parou um pouquinho e prestou...
15/11/2017 - As boas do Cicim - DINHEIRO DO PIS/PASEPA situação politica hoje no Brasil, no...
11/11/2017 - As boas do Cicim - A CAMPANHA POLÍTICA COMEÇOUPelo sim ou pelo não a...
01/11/2017 - Passarela no Nova Colina é inaugurada - Os pedestres que passam na frente do condomínio Nova...
27/10/2017 - Racionamento na Região de Sobrdinho - Com a queda pela metade no nível do Córrego do...
26/10/2017 - As boas do Cicim - OS PRESIDENCIAVEIS ESTÃO POR AÍEis os possíveis candidatos a...
25/10/2017 - O derretimento das coisa numa perspectiva corrupta - Jacob Fortes - Notícias oriundas das regiões mais quentes do Brasil dão...
Destaques
Registros Históricos - Carlos I.S. Azambuja
São registros históricos que comprovam a veracidade do que dizemos quase que diariamente. Quem diz o contrário é ignorante, por não ter nascido naquela época e não haver estudado a História verdadeira (com agá maiúsculo), ou por ser mal intencionado mesmo, como...



Pólo de Cinema. O sonho não acabou, ainda - Pedro Lacerda*
Não é a primeira vez que alguém tenta acabar com o sonho do Pólo de Cinema e Vídeo Grande Otelo, localizado em nossa Sobradinho. Desta vez, nos parece que é o próprio governo que está pretendendo dar um fim...



Marcada para segunda-feira,4, Audiência Pública para tratar do Ribeirão Sobradinho
Está marcado para acontecer dia 4 de novembro, uma segunda-feira, Audiência Pública proposta pela Câmara Legislativa do Distrito Federal exclusiva para tratar do Ribeirão Sobradinho. O evento será às 15 horas na Casa do Ribeirão Q. 9 Área Especial, frente para...



Busca